segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Noites que voam


Noites passam voando
e eu sigo buscando
motivos para sonhar

Sigo o movimento do tempo
nessa espera sem fim
de te-lo perto de mim.

Pergunto ao tempo
por que sigo a esperar
por esse amor, tão distante?

Pergunto ao tempo por que me presenteias ,
tão grande e puro amor
e depois o tira de mim?

lembro de dizer não!
mais o destino disse sim!
Desejando que eu fosse conhecer
essa forma de amor.

Numa noite
caminhando,
com o canto do pássaro conquistador

Atraindo para mim esse grande amor
que pensei conhecer
mas que agora vejo que nada sobre ele sei dizer!

Diana Nogueira





Nenhum comentário:

Postar um comentário